MÉTODOS DE MODELAGEM E CORTE E COSTURA

Você sabe escolher um bom método de modelagem ou corte e costura?



Muitos daqueles que se interessam por um curso de modelagem ou corte e costura desconhecem os diferentes métodos empregados e acabam atraídos por cursos com "métodos sem cálculos".

No entanto, em pouco tempo, estes alunos se decepcionam com os moldes obtidos por estes métodos e, só depois de tempo e dinheiro desperdiçados, se dão contam de sua ineficácia.

Os moldes "sem cálculos" são feitos a partir de gabaritos, isto é, são bases prontas ou réguas com medidas pré-determinadas para cada tamanho. O grande problema é que cada pessoa tem suas próprias medidas que raramente correspondem a todas as definidas nos gabaritos. Para a adaptação às medidas desejadas são necessárias diversas correções, o que apenas um modelista experiente poderia fazer sem deformar a modelagem.

Do mesmo modo, cada confecção tem sua tabela de medidas e precisa que as bases sejam traçadas de acordo com elas. É por isso que confeccionistas não admitem como modelistas, aqueles que utilizam gabaritos.

Só pelo método geométrico a partir de medidas relativas ao corpo é possível a formação do verdadeiro profissional de modelagem.

Um bom modelista deve saber traçar bases quaiquer que sejam as medidas, industriais ou obtidas para o sob medidas e utilizando materiais comuns para a modelagem.

Nos cursos com gabaritos ou bases prontas, estas técnicas não são adquiridas, uma vez que seus alunos ficam dependentes destes gabaritos ou bases para realizar qualquer molde.

Existem ainda determinados métodos geométricos que utilizam tabelas próprias de medidas relativas a roupas e não ao corpo e que, por isso, não servem para o sob medidas e nem para outras tabelas de medidas industriais relativas ao corpo.

As tabelas de medidas sugeridas nas normas brasileiras são sempre em relação ao corpo e não à roupa.

Pelo método a partir das medidas do corpo como o método EMP, com poucos cálculos, as bases são construídas com exatidão permitindo o total controle dos modelos.

É por estas razões que o geométrico a partir das medidas do corpo é o método ensinado nas universidades e aplicado em confecções e ateliês de moda do mundo todo.

O método geométrico EMP



O método geométrico da EMP - Escola de Moda Profissional representa a conclusão de décadas de estudos sobre os processos mais funcionais de modelagem plana industrial e sob medidas.

A isso se alia uma experiência prática de mais de 27 anos em assessoria a confecções dos mais variados segmentos de moda.

Toda essa modelagem, mais do que testada, garante a eficácia das lições e assegura o bom caimento das peças.

Os estudos nesta área foram coordenados pela professora de modelagem e estilismo Márcia Dória, master em psicopedagogia, que tem contribuído com muitas inovações.

A didática diferenciada de suas apostilas conduz a uma aprendizagem fácil, rápida e muito eficaz, o que nos tem rendido inúmeros elogios e uma demanda crescente pelos cursos por parte tanto de iniciantes quanto de profissionais experientes da área.

Depoimento de professores e ex-professores que utilizam o método EMP



"O método EMP é excelente, de fácil entendimento para desenvolver modelagem padrão e também sob medidas. Trabalhei com moda festa e noivas utilizando os traçados e obtive ótimos resultados. Ambiente muito agradável e com atendimento de bons profissionais. Trabalhei na escola por três anos e aprendi muito com o método em todos os segmentos. Super recomendo!"
Francielle Guimarães Rocha


"Eu, Rogério Caetano Simões, ex-professor da Escola de Moda Profissional, deixo aqui meus agradecimentos pelo carinho de todos, também quero registar o quanto foi importante para meu aprendizado esse período em que lecionei na instituição, utilizando uma metodologia clara e de fácil aprendizagem, a instituição oferece espaço adequado, professores qualificados e uma metodologia que facilita o aprendizado, deixando também uma certa liberdade para que os professores possam colocar seus conhecimentos em prática."
Rogério Caetano Simões


"Minhas primeiras experiências de estudo foram com métodos de modelagem geométricos de outras escolas e faculdades renomadas no mercado. Estes métodos eram um pouco complicados, mas eu acreditava que essa era uma dificuldade da prática da modelagem, independentemente do método. Por isso, segui usando estes métodos por muitos anos. Ao entrar em contato com a EMP, fiquei muito impressionada com a didática simples das apostilas, possibilitando até mesmo o ensino de modelagem à distância. Algo que seria impossível com os outros métodos que utilizava: meus materiais didáticos de cursos anteriores eram incompletos e cheios de anotações pessoais preenchendo as lacunas. Notei também que, além de ser de fácil compreensão, o método da EMP era bem mais prático, e eu conseguia chegar num molde correto com muito menos tempo de trabalho. Senti a diferença principalmente ao trabalhar com o sob medidas: é rápido traçar as bases a partir das medidas de cada corpo, e a modelagem é facilmente adaptável às diferentes conformações físicas. O método de graduação é o mais completo que já vi em mais de 10 anos de estudos na área, o único que explica a fundo a origem das medidas a serem ampliadas em cada parte do molde. Superior até ao que aprendi na faculdade. Mesmo para as interpretações de modelos, principalmente de golas e mangas, a forma lógica e prática apresentada nas apostilas EMP me impressionou. Hoje só utilizo este método para todas as modelagens que faço."
Bruna Martins Pinto


"Durante a minha formação na faculdade o método que utilizava era de origem francesa e muitas vezes - por conta de tipo de corpo para o qual o método foi concebido - algumas modelagens não funcionavam da melhor maneira possível e a linguagem do método para traçar as bases era bem complicada também. Quando conheci o método geométrico EMP, vi o quão simples poderia ser desenvolver uma boa modelagem, um método que além de funcionar para todos os tipos de corpos tem uma linguagem fácil de entender também. Pela sua simplicidade e eficiência, o método geométrico da EMP é que utilizo nos meus trabalhos até hoje."
Camila Tamashiro


"Método excelente! A estrutura dos textos é organizada e de simples compreensão. Cada passo da construção dos moldes é minuciosamente explicado. Utilizo o método EMP, desde que o conheci!"
Marcelo Oliveira


"Quando conheci o método EMP e comecei a estudá-lo, consegui entendê-lo com muita facilidade. É autoexplicativo, muito claro e de fácil entendimento, em relação aos outros que eu conhecia, não só pelo método em si, mas também pela maneira como é apresentado nas apostilas. Desde que eu o conheci praticamente só uso o método EMP, pois é difícil encontrar material tão detalhado no mercado, principalmente nos segmentos mais específicos como moda praia e íntima. O método de ampliação e redução dos moldes também me ajudou a entender o conceito da graduação que até então era algo bem complexo para meu entendimento. a forma como o curso é apresentado, as lições e as tabelas ajudaram a entender como calcular os valores."
Maysa Cavaleiro Andrade


"O método da Escola Profissional de Moda é muito prático e didático, comparado com outros métodos que já trabalhei, consigo perceber um melhor caimento das peças e melhor adaptabilidade em diversos corpos quando feito sob medida. Prático e fácil de fazer, a linguagem utilizada permite melhor rendimento no aprendizado, com o qual o aluno consegue a compreensão rápida na hora de interpretar os modelos dos segmentos. Como profissional, utilizo o método EMP desde 2015, o qual supre toda minha necessidade na hora de modelar, pois erros são evitados e poucos ajustes são encontrados na hora da peça piloto, o qual facilita muito o trabalho de um modelista e até mesmo para o rendimento na produção em uma confecção. Recomendo o método a todos que queiram aprender a fazer modelagem, as bases de roupas são ótimas e compreensíveis desde o início do primeiro traçado!"
Luciana Ferreira da Silva


"No dia a dia eu utilizo o método EMP de modelagem geométrica, pois os traçados das bases resultam num caimento mais preciso, o que agiliza o processo de produção das roupas sob medidas que eu faço. Além disso, acho o material didático bem elaborado e de fácil linguagem, o que proporciona aos alunos um bom desempenho."
Gabriel Pauletto da Conceição


"Conheçi o método EMP em 2016 e desde então tenho a preferência por ele pelo menos por ser mais prático, fácil e objetivo. Garantindo um bom caimento nas peças finais, utilizo o método em meus trabalhos sob medida, pois tem um ótimo resultado nas adaptações de diferentes corpos. Como professora, percebo que para os alunos, principalmente os iniciantes da área, é excelente por ser de fácil compreensão."
Camila Morales


"O método EMP traz, de forma facilitada e intuitiva, os conceitos de modelagem já aplicados em modelos. Para quem está iniciando, ajuda muito a entender tais fundamentos. Além disso, cada aluno pode fazer exatamente o que busca, desde projetos pessoais até uma formação completa. Desde que conheci, uso o método para desenvolver todos os tipos de peças!"
Louise Renne Lutkus